Ligue ou Envie Mensagem: (11) 3926-8000   /   Plantão de Vendas (Sábados & Domingos): (11) 99254-9448

Como funciona o Refinanciamento de Imóveis


Entenda como funciona o Refinanciamento de Imóveis. Saiba como contratar esta modalidade de empréstimo pessoal que oferece as menores taxas de juros do mercado.


Você sabe como funciona o Refinanciamento de Imóvel ? E quais são as etapas necessárias para obtenção desta modalidade de empréstimo  que vem conquistando a preferência de muitos consumidores? Se a resposta for não, não se preocupe. Você não está sozinho. Muita gente já ouviu falar sobre empréstimos com garantia, mas não consegue entender com precisão o que isso significa.

O Refinanciamento de Imóveis (também conhecido como Crédito com Garantia de Imóvel) é uma modalidade de empréstimo pessoal, onde é possível obter as menores taxas de financiamento (a partir de 0,75% ao mês), longos prazos para pagamento (até 240 meses) e ampla faixa de valores (De R$ 30 mil a 4 milhões). Para garantir todas estas vantagens,  o interessado no empréstimo deverá incluir um imóvel próprio (mesmo alugado), como garantia da operação.

Veja abaixo as principais etapas necessárias para obtenção do crédito do Refinanciamento de Imóveis!

Sumário:

 

Fase 1- Simulação do Empréstimo
Esta é a primeira fase do processo e tem como objetivo obter as opções de valores e prazos disponíveis para atender o valor do empréstimo solicitado. Caso você queira obter várias cotações em um mesmo lugar você poderá consultar plataformas de comparação de preços com simulações de diversas instituições financeiras. Em algumas destas plataformas, como a da Top Brasil Corretora de Seguros, você obtêm, ainda, uma consultoria personalizada, sem qualquer custo adicional para você. É tudo de bom, não é mesmo?

Nesta fase, você deverá informar: dados do imóvel que será dado como garantia da operação, dados pessoais e dados do empréstimo pretendido. Veja com mais detalhes abaixo!

Dados do Imóvel

O imóvel precisa atender alguns critérios exigidos pelas financeiras, valor, tipo de utilização (comercial ou residencial),  atividade comercial,  localização entre outras características. O imóvel precisa estar em seu nome, mas algumas financeiras aceitam esta garantia em nome de algum familiar de primeiro grau (pais, irmãos, filhos e cônjuge).

Dados Pessoais
Você deverá informar alguns dados pessoais, como idade, profissão, renda, sexo, entre outros.

Dados do Empréstimo Pretendido
Você deverá informar quanto você quer na sua conta.  Lembramos que o valor da prestação não pode comprometer mais de 30% da sua renda. Caso não seja possível, pense nas seguintes alternativas: ampliar o prazo de pagamento, reduzir o valor do crédito ou compor renda com outro familiar ou empresa.

A simulação do crédito poderá  ser aprovada  ou não, de acordo com o seu perfil. Entretanto, você saberá o resultado desta primeira análise pela financeira. Em alguns casos, e para sua melhor segurança, você deverá confirmar seu telefone via SMS.

A simulação do crédito poderá  ser aprovada  ou não, de acordo com o seu perfil. Entretanto, você saberá, imediatamente,  o resultado desta primeira análise pela financeira. Em alguns casos, e para sua melhor segurança, você deverá confirmar seu telefone via SMS.

Fase 2 – Análise do Crédito
Caso sua simulação seja aprovada, você precisará enviar para a financeiras os documentos pessoais e do imóvel solicitado. Normalmente, a análise é feita entre 1 a 2 dias, após a remessa de todos os documentos solicitados.

Fase 3 – Avaliação do Imóvel
Caso a análise do seu crédito seja aprovada, a financeira providenciará a avaliação do imóvel  dado como garantia da operação (em torno de dois dias). De uma forma geral, as despesas com avaliação de crédito podem ser incluídas no seu refinanciamento imobiliário.

Fase 4- Análise Jurídica
Após a avaliação do imóvel, a financeira faz, em até 4 dias úteis, análise jurídica da operação.

Fase 5 – Emissão e Assinatura do Contrato
Caso a análise seja jurídica seja aprovada, a financeira providencia a emissão e assinatura  do contrato (até 2 dias úteis).

Fase 6 – Registro em Cartório
O prazo varia de acordo com o cartório. O custo deste registro é de sua responsabilidade, entre é possível inclui-lo no refinanciamento.

Fase 7 – Liberação do Crédito em Conta Corrente
Após o registro do contrato, é providenciado o valor do crédito solicitado em sua conta.

O processo com as 7 fazes acima dura entre 20 a 40 dias; variando conforme a financeira, perfil do imóvel e tipo de contrato. Embora a duração seja maior do que as demais modalidades de empréstimos disponíveis no mercado, é muito vantajoso optar por um refinanciamento de imóveis, principalmente pelas taxas bem atrativas, você não acha?

Agora que você sabe como funciona o Refinanciamento de Imóveis, não perca mais tempo! Prepare-se para organizar a sua vida financeira, substituindo dívidas com juros altos por uma dívida mais saudável, com prestações que cabem no seu bolso. Ou para realizar projetos profissionais, como obtenção de capital de giro ou expansão do seu negócio.


WhatsApp
(11) 94933-4849

Receba dicas e promoções exclusivas